Responsáveis pela empresa Light prometem compartilhar Plano Verão com vereadores

Vereadores, em reunião, cobram melhorias do serviço oferecido pela concessionária.

Legislativos se reuniram com representantes da Empresa Light, concessionária dos serviços de energia elétrica na capital fluminense, nesta terça-feira (19), para apresentar demandas recebidas e buscar soluções em conjunto. A empresa foi questionada sobre a existência de um plano especial para o verão, estação em que aumenta a demanda por energia por causa do maior uso de equipamentos como aparelhos de ar condicionado, o superintendente institucional da companhia, Daniel Mendonça, se comprometeu a compartilhar com os parlamentares o planejamento já apresentado à Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Segundo o gestor, o Plano Verão inclui o aumento de equipes de atendimento, também por causa da maior incidência de chuvas.


Uma das principais preocupações demonstradas é com relação ao tempo necessário para a concessionária responder aos pleitos da população, que tendem a se intensificar na estação mais quente do ano:


Representando a Light, Daniel Mendonça reconheceu que há cerca de 8 mil podas em atraso, colocando-se à disposição para melhorar a interlocução com a Comlurb, responsável pelo manejo das áreas verdes da cidade. Ele revelou ainda que, de acordo com a Aneel, a concessionária tem perda de cerca de 58% da energia distribuída entre consumidores residenciais e pequenos comerciantes.


“Estamos de forma humilde nos disponibilizando a ouvir, e trabalhando para tornar a empresa sustentável. Enfrentamos dificuldades do próprio setor, que é interligado: isso significa que um problema em uma linha de transmissão em outro estado brasileiro pode refletir na nossa operação, como aconteceu em novembro, e nós acabamos levando a culpa. Mas reconhecemos a necessidade de trabalhar junto com os legisladores para podermos melhorar a concessão”, assinalou.

A reunião aconteceu no Palácio Pedro Ernesto, com a participação do Vereador Professor Célio Lupparelli, que como Presidente da Frente Parlamentar que acompanha o processo de climatização das salas de aula nas escolas da rede Municipal de Ensino se posicionou quanto a necessidade de algumas Unidades serem prejudicadas no processo de climatização que dependem do trabalho realizado pela empresa para o aumento de carga.


O superintendente da Light informou que dia 20 de dezembro se reunirá com o Secretário Municipal de Educação para tratar do tema e convidou o vereador para participar.

Compartilhe este artigo

SIGA CÉLIO LUPPARELLI!

Participe de nossas redes sociais

Fale agora conosco!